Òsóòsì

ÒSÒÒSÌ - Senhor das florestas, sendo seu habitat natural onde vive e caça. É a divindade da harmonia e do equilíbrio ecológico. Está associado com a vida ao ar livre e com os elementos da natureza. Odé como também aclamado representa a fartura em nossa casa.

Os primeiros aprendizes de Ògún na arte da caça e da guerra foram Ossósì e Erinlé.

Òsòòsì ou Òsòwùsí tem epítetos como Ajagun (Vitorioso caçador e guerreiro); Ajagùnnà (Estrategista que destrói o mal e que oferece boas ideias); Alákétu (Rei de Ketu, Patrono e protetor do povo de Ketu); Odè (Caçador); Olóyè Méjì - Homem de honra portador de dois títulos:

Rei de Ketu e Patrono dos Caçadores.

 

Associado à caça e à capacidade estratégica, Òsòòsì possui intuição e percepção aguçadas.

Ama a mata e conhece as propriedades dos seres que vivem lá. Aprecia a vida ao ar livre e a música, muito utilizada nas actividades de caça e na guerra para atrair sorte e fazer do trabalho uma fonte de prazer. Protector de humilhados e injustiçados, é cultuado para atrair agilidade e sorte nos negócios e assuntos relativos a dinheiro, também zela por assuntos familiares.

 

Uma de suas cantigas diz:

Ajagùnnà ode gbà mí o.

Ajagùnnà bí ikú nké lódè,

Bàbá o tó sádi, Ajagùnnà.

 

 

Tradução:

 

 

Ajagùnnà! Me acolha!

Se a morte e a doença estiverem cantando na minha vida,

Buscarei em você refugio, ó grande e poderoso, que pode-me defender.

 

 

 

Seu metal é o ferro. Seus símbolos são: óta (pedra de assentamento); ìrùkèrè (cauda de animal que, após preparo artesanal é mágico, e carregada por sacerdotes e reis como sinal de realeza e poder); búzios; ofà (arco e flecha); efun (potente e sagrado cal natural); e Òsún (espécie de tintura vermelha de uso ritualístico). Sua cor representativa é o azul, na mesma tonalidade do azul de Ògún.

 

Nos Colares deste Òrìsà utiliza-se exclusivamente as cores azul ou se alterna azul e branco, com ou sem búzios. Suas pulseiras são de couro, com ou sem búzios.

As festas realizadas em sua homenagem incluem a caça acompanhada de cantos e tambores e o animal caçado é ofertado em sua honra e homenagem.